quinta-feira, 2 de abril de 2015

Moça do Samba



Moça morena banhada em orvalho
Moça pequena, faceira
Bota o laço  de fita no cabelo
e vem pra roda de pé descalço
mostrar o seu gingado
Moça da saia rodada
do perfume de manacá
samba menina
samba até o dia raiar.

(Luíza Gallagher)

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Quem Sou




Precisei me perder muito para aprender a andar sozinha, derramei muitas lágrimas para aprender a sorrir. Precisei perder para valorizar o ganhar. Errar para acertar. Cair para levantar. Precisou anoitecer para o sol raiar.

Hoje só eu sei por quantas coisas passei para me tornar quem sou. A cada tropeço, a cada nova estrada, a cada lição tirada. Essa sou eu, agora sei quem sou, sei o meu valor!

(Luíza Gallagher)